Notícias
Prozinco prepara novos investimentos
2011.3.7
A Prozinco prepara a abertura de uma delegação em Moçambique, bem como a inauguração de uma filial em Santiago do Cacém.

A empresa com sede em Estarreja pretende dar continuidade ao crescimento alcançado nos últimos cinco anos. O reconhecimento público pela gestão bem conseguida, não é mais do que uma consequência do trabalho realizado ao longo de 33 anos de existência.

A diversificação da actividade, mais do que um desafio, tornou-se uma necessidade para a maioria das empresas. Desde a protecção anti-corrosiva à execução de trabalhos de construção e manutenção metalomecânica ou à construção civil, a empresa está dotada das mais diversas competências, de forma a oferecer projectos chave-na mão aos seus clientes.

Sob a mão de 290 colaboradores directos (por vezes de 500, de forma indirecta), a Prozinco actua não só no mercado nacional, mas também além fronteiras. Seja na estação de tratamento de águas de Maputo, na central eléctrica de Cahora Bassa, em Moçambique, numa central hidroeléctrica no Congo, num heliporto para uma plataforma de petróleo na Noruega, nos pré-fabricados com destino à Venezuela ou com as eólicas em Espanha.

Existem ainda negociações para novos negócios em França e na Noruega. A Prozinco é o exemplo de uma empresa que investe em tempos de crise.

Para o próximo ano está previsto um investimento na ordem dos três milhões de euros. Entre a delegação em Moçambique, a filial em Santiago do Cacém, os 200m2 de painéis fotovoltaicos e o sector da metalomecânica, a empresa está determinada a crescer em força.
 © 2017 Prozinco | powered by PROZINCO